06/05/2008

Bolos e salgadinhos

Saudações gentes tristes das margens lamacentas da outrora cidade jardim, cidade templária, cidade... tendes tido saudades deste vosso sapiente farol?

Pois que, regressado de um longo cruzeiro entre os fiordes noruegueses e as ilhas da Nova Sibéria, cá retorno, depois de paragem em Fátima para pagar uma promessa e daí vindo já pelo novo IC9, para comemorar entre bravos depenados patos o dia do trabalhador. Claro, trabalhar para mim não é um verbo, mas um adjectivo que atribuo a outros; pelo que claro está que advindo, e depois de despachar a condessa às compras para Nova Iorque que com o valor do dólar até é mais barato, me entreguei prontamente às doces delícias do meu palácio, onde tenho estado, entre duas loiras uma morena et beaucoup de champagne.

Ora o burgo mudou nestes últimos meses, sentem-se, com pleonasmo incluído, sentimentos contrários – por um lado uma angústia, uma triste alegria ou uma alegre tristeza, não sei bem definir que não sou prendado em poetizes; mas há um burburinho, uma ténue ebulição que meus dotes de cartomante já iam avisando.
E é mau, é muito mau, é terrível, porque quase sou tentado a dizer – perdoai-me senhor – que por estas bandas de Sellium e Nabantia, um novo tempo se vai desejando ou já achegando. Cuidado! Vigilantes dos costumes e da moral, cuidado. Não deixeis cair em tentação e livrai do mal este povo que de amparo e observância carece. Não digais que não sentis! Sente-se nas ruas, sente-se nas casas, nos cafés – senhorias!, até nas igrejas, sente-se em todo lado!...

Mas vá… está certo, estou a foliar um pouco. Sente-se, sente-se, mas não mudará grande coisa, que qualquer rebanho é fiel ao cajado do pastor e ao latido do canídeo guardador. E porquê? Está bom de ver que o cajado já começou a bradar e os canídeos a latir, bastará olhar os periódicos da urbe… já Hitler dizia que a melhor característica do cão era a sua obediência.
Por outro lado, a coisa sempre entusiasma pelo condado, que a semana académica foram só três dias e como tal pouco anima os autóctones. Esta animação pelo contrário sempre promete durar um pouco mais, e com clímax continuamente acrescido.
Ele são sondagens para vários gostos, ele são aparições em tudo o que é lugar, ele são contactos e mais contactos.

O fenómeno é fácil de explicar: cheira a bolos, que é como quem diz, agora se vê quem é mais guloso. Com a espécie de fuga de Dom Paulino, a sede pelo seu lugar torna-se incontrolável, quais lobisomens em noite de lua cheia. É tanto mais evidente que o palácio da autarquia é agora apenas frequentado, à espera portanto de ocupação definitiva.
A coisa começa no laranjal onde, com as armas dos barões assinalados a forçar a pachorrenta solução causídica, mas onde também se diz, que o agora regressado Dom Ivo Carbonara terá já o arranjinho feito com Dom Relvas O Brasileiro, para que o primeiro por cá fique a gerir a sanzala. Certo, certo, é que, mesmo sabendo que todos se gostam tanto, o homem em pouco tempo já envergonha os seus companheiros, com especial incidência em Dom Carrão, dado todo o destaque que em pouco tempo tem, graças a sopas, canis, e em especial aquela coisa dos pobres, o mercado.
Em todo o caso, para melhorar o enredo, a principal questão ainda em aberto é exactamente a de Dom Carrão Barão das Freguesias: aceitará ele o destino imposto como número dois ou três, ou manterá a promessa em todo o lado proclamada de avançar como free-lancer? A primeira opção será a mais provável, até porque outorga menos trabalho, e augura melhor resultado com os mesmos dividendos, mas, tendo-o o já dito em todo o lado, conseguirá mostrar a cara depois disso? E se afinal o homem tiver um rasgo de coragem e for em frente, que espaço fica para duas agremiações independentistas? Poderá Dom Pedro sobreviver?

Para os lados do diz que pouco florido jardim das rosas, apesar dos muitos pretendentes que se vão susurrando, há muito se percebeu que a opção é de arquitectura, e Dom Becerra começou até a chegar a casa dos flecheirenses vestido de vereador preocupado com epístolas educativas.
Tal deixou os espoliados independentes, também identificados como grupo da sueca de Dom Pedro, e especialmente este, com evidente aflição, perceptível na forma desesperada como se diz que está a tentar que os rosinhas o aceitem once again. Por lá, os que têm testa parece que tal não lhes passa nela, e poucos se identificam com o senhor que dizem ser coisa do passado, afirmando aos ventos qual Mário Ota Lino: - Jamais, jamais!

A coisa no entanto pode mudar de figura, com a contratação do reputado xadrezista José Alves dos Reis Soares para animar as soirées, conhecido pela especial capacidade de realizar partidas simultâneas em vários tabuleiros e como o maior dos Kromus, e que ao que foi possível apurar, se mudou de Scalabis para Nabantia, afim de, qual lança em África, mudar os destinos dos rosinhas locais... Dom Pedro não podia contratar mais pertinente e assertivo embaixador!
Do lado destes a grande dúvida é Dom Dias Rosa Comuna - aceitará ele, conservado numa garrafa de éter, voltar a ser candidato, mesmo sabendo que o crédito pessoal já não é o mesmo, perdido além da idade, pela forma conservadora com que os fans reprovaram a sua relação contra-natura com Dom Pedro?

Algumas pequenas coisas há, além disto, ainda a esclarecer mas que pouco são relevantes: Fica Trincão no Bloco ou assume a "Independência"? Mantêm-se Bruno Graça na CDU, e será por esses cabeça de lista? O CDS apresenta sequer lista? A casa avançada de Tomar em Lisboa, fará duplo ou triplo jogo?

Mas, como sempre, deixo algum espaço à vossa reflexão, sempre tão assertiva….
Minha augusta pessoa por aqui se fica, enquanto não decido se em seguida vou de sopas, ou já de sandálias aí para um paraíso qualquer beber umas cervejas.
Sim cervejas! Não é que goste muito, mas com a crise dos cereais, em pouco tempo a cerveja vai ser coisa de ricos, e depois já se vê, uma mini Sagres vai valer mais que uma Moet&Chandon, bem adequada portanto, ao meu estatuto.

salutations à tous, vôtre aimé
Comte de Flecheiro

315 comentários:

1 – 200 de 315   Mais recente›   Mais recente»
Anónimo disse...

Seja bem regressado Conde.
Foi às cataratas a Cuba?
Ou andou pelos states a ver quem é mais barac(to)?
E, já agora, passou em London? Na City.
O Ken foi um ar que lhe deu? Foi-se à vida.
E que nos diz de Miamar?
E do Tibet? Com Lama e pó.
Enfim, V. Sª está feito um burguesão dos grandes.
Nem parece o mesmo que andou nas barricadas de Paris em Maio de 68 e que derrotou o Freitas nos Casais!
Está na calha para candidato republicano ao comando dos destinos da edilidade de Tomar.
Depois do Conde de Tomar um Conde do Flecheiro era um pedrada no charco.
E, claro, com o Pascoal como chefe de Gabinete e elo de ligação às autoridades policiais.
Não há SIR IVO, nem SIR IVA, nem Carrão, nem Faria, nem Jaime, nem António, nem Zeca que lhe resista.
Vá em frente que vai ter consigo a sua gente!
Ousar lutar! Ousar vencer!
Lutar no Rio Nabão! Lutar em Terra!
Fogo sobre eles!

Saudações republicanas dum seu admirador

Visconde de Parladé.

Anónimo disse...

Como sempre mais uma crónica politicamente bem elaborada.

No entanto estranho que passe ao lado do tema mais importante da cidade nos dias que correm, e que é a caça à multa efectuada pelos agentes da polícia ao mesmo tempo que se assiste a um incremento dos crimes contra os tomarenses e contra os seus bens, efectuados por um número crescente de criminosos.

Duque de Sabacheira

Anónimo disse...

Ora Dom Conde, deixe-se de prosas balofas! Foi até à Vieira de Leiria? Está a ler a Playboy versão brasileira? Está a degustar uns carapauzitos fritos com arroz de tomate? Nada mau! Continue a dar os seus passeiozitos a pé que só lhe faz bem!! Olhe o colesterol...
Quanto ao temporal político cá do burgo é bom de ver que seja quem for que avance à liça, deste ou daquele quadrante, é mais do mesmo, que é como quem diz "mudam as moscas mas a merda é a mesma"! Quando não há ovos não se podem fazer omoletes...

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Boas Conde, continua em alta!
Então mas diga lá que não percebi bem, acha que o Ivo Santos vai ser candidato do PSD? E o Carrão cala-se?
E acha que no PS vai mesmo ser o Becerra? Será que não vai acabar por ser o Cristóvão? Por alguns ecos que de lá vêm ele é o preferido, e o que pode estancar uma enxurrada de outros candidatos.
Desenvolva conde.

Cumprimentos nobiliárquicos
Cavaleiro Negro

Anónimo disse...

Tem muita razão o anónimo das 11:24H. A eficiência da PSP de Tomar em matéria de multas é inquestionável. Mal posso esperar pelo próximo "show-off" que esta quadrilha fizer na Praça da República, com tenda a preceito e outros aparatos, para poder transcrever no livro de visitas o que me vai na alma sobre o orgulho que sinto por saber que a polícia da minha terra é a mais autuadora do distrito de Santarém!
HOJE SANTARÉM...AMANHÃ O MUNDO???!!!!!!!!
Peço-lhe no entanto, caro Conde, que use o seu brasão, não para lhes dar com ele nos c*****, mas fazendo dele um símbolo do seu estatuto social - e olhe que isso é muiiiiiiiiito importante ainda hoje nesta terra feudal - para fazer notar aos seus vizinhos da câmara o descontentamento que grassa nos corações dos pobres tomarenses trabalhadores que estão a ser claramente descriminados relativamente a certas minorias e outras franjas da população, pois não há transgressãozita que não venha logo a coima atrás, ao passo que outros há que transgridem à tripa-forra com toda a impunidade.
Eu, como a grande maioria dos tomarenses trabalhadores gostaria de sentir o sabor duma prevaricação passada impune...pelo menos uma vez!!!
Galhardamente e com amizade, deste seu súbdito,

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Ó Cavaleiro, parece-me que o Conde não disse que o Ivo ia ser candidato, mas que se falava nisso, não é a mesma coisa, e o Conde sabe-a toda!
Quanto ao PS e ao Cristóvão, o rapaz não tem garra nem brasão, ainda tem de comer muito sal, falta-lhe coragem.
A mesma coragem que falta ao Carrão e que o vai fazer engolir o sapo de ir atrás do CorvÊlo.

Anónimo disse...

T'amos fritos! Venha o diabo e escolha!

Anónimo disse...

Não se pode contratar um brasileiro para vir para a câmara?

Anónimo disse...

Acham que o Corvêlo vai ficar na câmara? Aquele zombie?
POOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOORRA!!!!!!

Anónimo disse...

Estamos à espera que o Conde avance. Os Independentes precisam de candidato pois o Pedro Marques já foi chão que deu uvas...

Anónimo disse...

SECÇÃO: Sociedade


7 Mai 2008, 13:28h
Onda de assaltos em Tomar tem tabaco como principal alvo


Seis cafés, duas papelarias e um supermercado localizados em Tomar foram alvo de assaltos nas últimas duas semanas. O principal móbil dos crimes é o tabaco e, segundo a PSP local, os danos provocados nos espaços é quase sempre superior ao valor do tabaco roubado.

Segundo informação do comando distrital da PSP, este surto de assaltos tem afectado só a zona de Tomar. Embora vão ocorrendo situações pontuais um pouco por toda a região.


Pois é?

É proibido fumar nos locais públicos fechados.
Mas mesmo assim andar a gamar tabaco!!!!

E a PSP a multar!!!!!

Isto é uma espécie de magasine!!!!!!!!!!!

Anónimo disse...

Tomar "monárquico" com o Conde? Phonix, não lembra nem ao diabo!!! Mas pensando bem perante o cenário que se apresenta - e como é uso dizer-se "a seguir nunca vem melhor" - que opções dignas de crédito?

Estamos feitos!!!!!!!!!!

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Amigo anónimo das 18:13H, peça explicações ao chefe da PSP de Tomar. Ele é que sabe o que os seus subordinados andam a fazer. E o que andam a fazer é do seu conhecimento.
Saiba que este energúmeno inculto que temos em Tomar como comandante da polícia, tem uma visão economicista da acção policial. Isto é: se você alertar para um furto numa residência, é certo e sabido que quem vai ter chatices é você, porque quem é que vai pagar a deslocação da viatura e dos agentes? Não será o ladrão certamente porque não está identificado e você está! E se o ladrão não infringir nenhuma lei do Código da Estrada não será detectado de certeza!!!
Mss se você deixar o seu carro nem que seja por 60 segundos num local indevido pode ter a certeza que tem um bilhete postal à sua espera, ou não seja a PSP de Tomar exímia em multar, como é reconhecido publicamente e objecto de parangona jornalística.
No entanto, dentro do espírito da minha bonomia, ainda concedo a este chefe da PSP o benefício da dúvida no pressuposto de que obedece a ordens superiores que lhe recomendam acção (entenda-se autuações quanto baste para pagar salários à corporação) que justifique a sua continuação neste concelho. Quando isso deixar de acontecer sai a PSP e entra e GNR, não tenha dúvidas...!!!
Perante este cenário que se lixe a segurança pública e o bem estar da população, coisas a que que todos temos direito e o direito a defender.

Anónimo disse...

Bob Geldoff (perdoem-me se não for assim que se escreve) disse ontem, perante uma assembleia atónita - entenda-se cínica - que Angola é dirigida por criminosos!!!
Grande Bob, não há que ter medo de dizer as verdades, e elas doem mais quando são ditas no local certo perante quem sabemos que a verdade mais dói.
Não sei porquê mas essa frase aplica-se tão bem a este país Portugal, nascido duma desavença familiar mal resolvida e local cada vez mais mal frequentado...!!!

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Bob Geldoff (perdoem-me se não for assim que se escreve) disse ontem, perante uma assembleia atónita - entenda-se cínica - que Angola é dirigida por criminosos!!!
Grande Bob, não há que ter medo de dizer as verdades, e elas doem mais quando são ditas no local certo perante quem sabemos que a verdade mais dói.
Não sei porquê mas essa frase aplica-se tão bem a este país Portugal, nascido duma desavença familiar mal resolvida e local cada vez mais mal frequentado...!!!

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

BRONC disse ontem, perante uma assembleia atónita - entenda-se cínica - que Tomar foi e é dirigida por criminosos!!!

Grande BRONC, não há que ter medo de dizer as verdades, e elas doem mais quando são ditas no local certo perante quem sabemos que a verdade mais dói.

Anónimo disse...

Ecum Spiritu Santum, amen!!!

Anónimo disse...

Caro e sempre atento Comte

A visão de V.ª Ex.ª sobre a situação politiqueira do condado é profunda.

Trincão, Bruno e PP à parte, a análise das questões fundamentais é solene e real.

Pedro Marques estará de novo em campanha. É um dado concreto.

Carrão também. Pelo PSD claro. Não como candidato!

Becerra Vitorino tentará convencer os socialistas que é o seu candidato natural. Tarefa difícil esta.

Relvas ainda não teve tempo de pensar em Tomar. A possibilidade que refere do Ivo Santos é cada dia que passa uma forte tendencia. O professor está a abanar com a camara e esse facto não deverá ser por acaso. Até a escolha do seu secretário, um desconhecido socialista, filho de presidente de junta em exercicío é golpe de mestre.

Aguardarei desenvolvimentos para me pronunciar de novo.

Anónimo disse...

Agita-se o lamaçal...

Anónimo disse...

Revolve-se o chiqueiro...

Anónimo disse...

«Tudo parece indicar que a dr.ª Manuela Ferreira Leite será a próxima dirigente máxima do PSD. Mas, também, que não conseguirá apaziguar a gataria infrene, representativa de interesses e favores, que se acolheu no partido, e à qual a respeitável senhora designa, piedosamente, de "interclasses". A candidata, com incansável melancolia, declarou que nesse molde formara Sá Carneiro o então PPD. A caução será conveniente, mas a história não é bem essa. A agremiação procede de um almofariz onde se misturaram um vago antifascismo de retiro, um republicanismo de tertúlia, o velho liberalismo do Norte e um diligente sortido de padres. Podíamos revolver céu e terra que nunca descobriríamos o mais leve resquício de ideologia no PPD, uma lacónica doutrina social, a não ser vagas noções de defesa dos desafortunados e a alegação de uma liberdade cautelar.» [Diário de Notícias]

Baptista Bastos.

Anónimo disse...

Ó COnde, eu não sei quem você é mas acredite que gostava muito. Você é o maior, e mesmo sem saber quem você é, só pela forma como escreve acho que já levava o meu voto.
A não ser que você nos ande a enganar a todos e você seja o Relvas ou o chato Simões como já me sugeriram.
Se for um desses desculpe lá, mas aí já não levava voto.
Em todo caso Conde, continue, por favor. E se possível com menos intervalo.

Presidente do CFFC
(Conde do Flecheiro Fans Club)

Anónimo disse...

Bem vinda sua senhoria!...
Mas talvez o regresso não valha a pena, nem as penadas do bom manuscrito...
O nível do Nabão anda muito por baixo, tal como o de alguns comentários neste blog...
'É a vida!', já dizia o outro que achou preferível voltar-se para os infelizes do Quarto Mundo, como um amigo me costuma dizer...
Realmente, caro Conde, por cá tudo na mesma - a 'fossa' nabantina já só mete dó. Até os patos bravos parecem ter fugido - dizia-me alguém que lá de cima do Castelo só se conseguem ver 2 gruas de construções em andamento...
Do alto da sua douta nobreza, esta é talvez nova que mereça vossa atenção. É que sem 'ducados' não há condados que valham a ninguém...
Será que regressamos mesmo a tempos de nobreza altiva mas arruinada? A contemplar passados gloriosos ninguém se governa e com 'sebastiões' arquitectados ou professorados ou engenheirados ou ainda medicalizados, advogados e outros bacorados isto não vai mesmo a lado nenhum... Provam-no as últimas décadas de triste definhamento desta terra.
É pena , mas mais penas tem o pavão e pode com elas!
Paciência e aguente-se ao balanço, caro Conde... (E já agora veja se 'modera' um pouco mais os bloguistas mais avacalhados que muitas vezes urram por estes comentários... É que já fedem, de tanto estarem afectados pela dita das 'vacas loucas!...)

Bem haja! Divirta-se e VIVA A REPÚBLICA, que já chega de talassas!

Anónimo disse...

República de bananas (podres)!
- Conde de Sabacheira

Anónimo disse...

Queixa-se um dos "dogues" do sr. Luis Ferreira, o sr. Hugo Cristóvão, que existe défice democrático na maioria camarária. Pode ser que sim! Mas costuma dizer-se que quem telhados de vidro não deve atirar pedras. Os exemplos devem vir de dentro para fora. Sugiro ao sr. Hugo Cristóvão que, conjuntamente com o seu "régulo" Luis Ferreira e outros "secundinos" do roseiral, comecem por dar o exemplo e exerçam democracia dentro da sua concelhia.

...é que de um lado chove do outro faz vento!!!

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Pode dar a sua opinião sobre o próximo líder do PSD, em Sondagem de Tomar .

Anónimo disse...

Onze pessoas estavam penduradas na corda num helicóptero.
Eram dez homens e uma mulher.
Como a corda não era forte o suficiente para segurar todos , decidiram que um deles teria que se
soltar da corda.
Eles não conseguiram decidir que, até que,finalmente, a mulher disse que se soltaria da corda, pois as mulheres estão habituadas a largar tudo pelos seus filhos e marido,dando tudo aos homens e recebendo nada de volta e que os homens, como a criação primeira de Deus , mereciam sobreviver ,pois eram também mais fortes , mais sábios e capazes de grandes façanhas...
Quando ela terminou de falar, todos os homens começaram a bater palmas...

Nunca subestimem o poder e a inteligência de uma mulher...

Anónimo disse...

Conheço algumas que são exactamente assim. Extremamente inteligentes.

Anónimo disse...

Recordemos ao 1º Ministro...

Uma adolescente de 16 anos pode fazer livremente um aborto mas não pode pôr um piercing.
Um cônjuge para se divorciar, basta pedir;
Um empregador para despedir um trabalhador que o agrediu precisa de uma sentença judicial que demora 5 anos a sair.
Na escola um professor é agredido por um aluno.
O professor nada pode fazer, porque a sua progressão na carreira a está dependente da nota que dá ao seu aluno.
Um jovem de 18 anos recebe €200 do Estado para não trabalhar; um idoso recebe de reforma €236 depois de toda uma vida do trabalho.
Um marido oferece um anel à sua mulher e tem de declarar a doação ao fisco.
O mesmo fisco penhora indevidamente o salário de um trabalhador e demora 3 anos a corrigir o erro.
O Estado que gasta 6 mil milhões de euros no novo Aeroporto recusa-se a baixar impostos porque não tem dinheiro.
Nas zonas mais problemáticas das áreas urbanas existe 1 polícia para cada 2.000 habitantes; o Governo diz que não precisa de mais polícias.
Numa empreitada pública, os trabalhadores são todos imigrantes ilegais, que recebem abaixo do salário mínimo e o Estado não fiscaliza.
Num café, o proprietário vê o seu estabelecimento ser encerrado só porque não tinha uma placa a dizer que é proibido fumar.
Um cão ataca uma criança e o Governo faz uma lei.
Um professor é sovado por um aluno e o Governo diz que a culpa é das causas sociais.
O IVA de um preservativo é 5%. O IVA de uma cadeirinha de automóvel, obrigatória para quem tem filhos até aos 12 anos, é 21%.
Numa entrevista à televisão, o Primeiro-Ministro define a Política como 'A Arte de aprender a viver com a decepção'.
Estaremos, como Portugueses, condenados a aprender a viver com este Primeiro-Ministro?

Anónimo disse...

Realmente estamos perante uma estrutura de medidas incoerentes.Por um papel passado por engano penhoram-se deficientes. Bela estratégia para o país. Na cidade, na cultura, na arte, nos serviços, no ensino....é um fartar vilanagem.

Anónimo disse...

UNIÃO DE TOMAR

Levou-se ontem a efeito uma homenagem aos antigos sócios deste clube que já foi emblema da terra e o mais importante do distrito de Santarém. Reduzido a farrapos, quer por inércia própria quer pela prepotência do ex-presidente da câmara Paiva, que em determinado momento decidiu extinguir a modalidade do futebol ao nível competitivo em Tomar, sobrevive agora tal como diz Manuel Antunes "não se sabe bem como...sem receitas sem nada!"
Votado à indiferença geral o União de Tomar tem os dias contados e um lugar assegurado nas memórias da cidade que um dia serão escritas por alguém lá para os fins deste século. A vida é assim!
Mas eis que de vez em quando surgem estas manifestações populistas que trazem ao presente o passado deste clube, lembranças de tempos e gentes idos e aproveita-se para saudar em jeito de despedida antecipada os estóicos que ainda se encontram entre nós mas que dizem mais respeito ao passo que ao momento presente.
E assim aconteceu! Medalharam-se os sócios com 5 décadas de devoção ao emblema, debitaram-se discursos, confortou-se o estômago com rega a preceito,e...espanto dos espantos!!! será que o União renasceu? Que vejo eu? As forças vivas da cidade todas em comunhão de sorrisos e cumprimentos, postas de parte as diferenças políticas e outras aversões, todos "pintados" de preto e rubro? Até o representante do Governo Civil, todo inchado e cerimonioso, distribuindo cumprimentos e beijinhos!!!
Pedro o Grande agarradinho como uma lapa ao sombrio presidente acidental da edilidade que parece só ter dom de palavra para o telemóvel!!! O pequeno Rosa Dias coitado, mais parecido com o Rocket Man tal o seu afã em se fazer fotografar junto de tudo e todos e por isso corria incansável de um lado para o outro!!! O inefável contador de crónicas estilo Corin Tellado, Carlos Carrão, visivelmente à vontade neste meio de comes-e-bebes, sempre de pezinho pronto para a dança!!! João Simões, o "profissional" das Assembleias Gerais!!! Por um momento ainda pensei que o União iria ressurgir deste feliz encontro...
Enfim, não vou referir mais ninguém sob pena de me tornar fastidioso. De facto a fina flôr tomarense esteve presente em mais um episódio do folhetim "Adeus União de Tomar".
Tudo acabou em bem, o cortejo de viaturas desmobilizou do local da concentração e rumou cada um para o destino. Aposto que meia hora depois já ninguém sequer se lembrava do União de Tomar. Esse, coitado, lá terá de continuar o périplo com destino ao caixote do lixo da indiferença e da apatia congénita desta terra.

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

"João Simões, o "profissional" das Assembleias Gerais!!!"

Curioso!
O homem não esteve presente no jantar do União de Tomar, onde não tem qualquer cargo ou função.
Mas, esta "profissão" não dá rendimentos económicos, só dá a inveja de uns tantos que também gostariam, mas preferem cargos remunerados para os quais não entram por eleição, sim por amizade, compradrio, cartão partidário e quejandos !!!!
O Sr. BRONC deve avançar para todas as AG que puder, se é isso que o preocupa, avance com força e ... que seja eleito!!!
OK.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

ANÓNIMO DAS 00:28h

Não deves chamar a tua mãe a estes assuntos. Deixa lá a senhora em paz, já que não lhe dás descanso à carteira!!!
E já que mandas os outros trabalhar porque não dás tu o exemplo? Ou será que vender droga à porta do Centro Comercial Templários é trabalho?

Anónimo disse...

AO ANÓNIMO DAS 00:28

O teu amor filial não deve nublar o teu cérebro mais do que ele já anda. Por isso não deves confundir as mães dos outros com a tua, que, coitada, se calhar teve de se dedicar à profissão mais antiga do mundo para custear os teus vícios. Vê se arranjas trabalho honesto para te sustentares para saberes o que custa a vidinha, ou então parte desta terra amargurada e não voltes porque saudades é coisa que cá não deixas. Além disso a moda dos travestis foi coisa que nunca pegou cá por estas bandas.

Anónimo disse...

...e não desesperes! Um dia seguirás as pisadas do teu pai. Quando morreres parte do teu esqueleto seguirá para a zona de Guimarães onde serás reciclado e passarás a fazer parte dum faqueiro que irá fazer as delícias de alguma dona de casa. Tal como o teu pai, enfeitarás os cabos de facas, garfos e colheres.
Como vês, se em vida não prestaste para nada, na morte perdurarás muito para além da descida ao covado!!!

Anónimo disse...

Tanta coisa para nada. Falam do União. E o Sporting de Tomar, não está em problemas? Claro que está. Falta de profissionalismo a todos os seus níveis. Salvar estes clubes como? Só fazendo uma reengenharia a começar pelos treinadores, muitos deles sem experiência,como em qualquer outro clube de futebol que queira resultados e sair da modorra.

Anónimo disse...

O Sporting de Tomar? O clube do falso ecletismo? Vá dar banho ao cão! Os sucessivos dirigentes sempre lixaram as outras modalidades para dar tudo ao hóquei! Eu próprio cheguei a ser seccionista e sei bem o que sofri para defender a modalidade para a qual trabalhava! Nunca vi tamanha sacanice como no Sporting de Tomar! Tenho muita pena de dizer isto porque é um clube da minha terra mas é a pura verdade!!!

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Apoiado.
Foi o hóquei que destruiu (e continua a destruir) o SCT.

Anónimo disse...

Ah, finalmente alguém com memória limpa e que apoia as minhas afirmações!!!

Anónimo disse...

O SCT, também conhecido pelo "Saca Cêntimos em Tomar", ao invés de ser (mais) um clube de e para algumas elites que vive acima das suas disponibilidades financeiras, sonhando que um dia alguém lhe resolva os problemas que tem, deveria virar-se para a cidade e servir os tomarenses.

Venham as escolas das modalidades tradicionais e já agora pensem agarrar os jovens propondo também outras modalidades, ditas alternativas e/ou radicais.

Anónimo disse...

Mas sendo Tomar uma terra maioritariamente sportinguista (refiro-me aos 2 sportings) porque é que nunca se resolveu a situação do clube que nem uma sede tem condigna?

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Dois sportings?... Em Tomar há uma Sporting. O outro é uma delegação do de Lisboa. Não confundir...

Anónimo disse...

Foi interessante ver a crónica sobre o aniversário do União de Tomar, Clube maior da memória de todos os Tomarenses, que apenas poderá sobreviver se for dado seguimento à proposta que foi apresentada pelo Arquitecto Vitorino na Câmara, para se encontrar uma solução para as dívidas de mais de 150 mil euros que o Clube tem às finanças.

Se tal não for feito, bem podem andar todos, desde o actual Presidente, o escudeiro Carrão, o ufano Marques ou o sorridente Ferreira do G.Civil a distribuir beijos e abraços, que nada salva o Clube.

Anónimo disse...

Tem razão. Mas não basta saldar as dívidas! Até parece que há um Madureira a cada esquina!!! Limpam-sa as dívidas, limpam-se as nódoas!!!
O que importa é ajudar o clube a elevar-se um bocadinho do patamar baixíssimo a que desceu. Uma vez que o "comboio" da competição está muito distante já que a cidade de Tomar não tem arcaboiço para dar suporte a um tal projecto, pelo menos acho que deveriam ser dadas condições para o União de Tomar subir alguns degraus do patamar competitivo. Seria bom para a cidade, pois toda a gente menos alguns responsáveis autistas sabe que hoje em dia o desporto é catalizador de um tipo de turismo que não é de desprezar.
Tendo Tomar alguns atractivos em termos urbanísticos e condições para receber, a par das novas infraestruturas rodoviárias já em uso e outras que a breve trecho serão implementadas, seria possível revitalizar um pouco esta triste terra afundada entre colinas e no marasmo de quem, por inerência de cargos, é responsável pela actual situação.
Isto que refiro àcerca do União aplica-se de igual modo ao Sporting de Tomar.

PS - Quando atrás referi os 2 sportings referia-me ao de Tomar e ao de Portugal (Lisboa), no sentido em que sendo todos adeptos do mesmo emblema seria mais que lógica a congregação de esforlços.

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

Bolas para o Pinhal:

- Se esse desse sr.arquitecto, pintor nas horas vagas, professor mediano e putativo candidato socialista à Câmara tomarense, Vitorino, deseja mesmo salvar o União de Tomar, não seria inteligente da parte dele congregarem esforços com o Futebol Clube "Os Belenenses", e do qual o U.Tomar já foi filial, para encontrarem uma solução para o nosso clube?

Anónimo disse...

«O estendal das vergonhas da política portuguesa vai continuando a exibir-se sem qualquer pudor. É agora a vez de um PSD esfarrapado ser transformado em vedeta pelo toque mágico da varinha de condão da propaganda do Estado socialista que o continua a declarar, no entanto, como partido de oposição. Tudo isto parece contraditório mas não é. O caciquismo, as guerras dos barões, distraem a opinião pública do essencial que são as questões da vida, do desemprego, da corrupção pública e privada, do trabalho, da educação, etc., etc. Tudo isto, enquanto os interesses privados e públicos de governantes e privilegiados, leigos e eclesiásticos, se identificam e confundem uns com os outros.»
AVANTE!

Anónimo disse...

É confundir e partir para reinar.
Vocês sabem do que estou a falar...

Anónimo disse...

Desde que a política se tornou um filão é vê-los esgadanhar que nem formigas para obterem um tacho onde não façam nada, trafulhem à fartazana e depois saem como se nada se tenha passado com boas reformas.
Chulos de merda!!!!!!!
Gostava de ver se a lei ditasse que cada um que fosse para a política ganhasse o mesmo que ganhava no seu emprego (no caso de estar a tempo inteiro), ou metade se estivesse a tempo parcial, quandos seriam os "patriotas" a candidatar-se.
E não estou a contar com os frutos dos subornos, arranjinhos e mafiosidades que todos fazem encobrindo-se uns aos outros, memso sendo de partidos diferentes.
É o sistema...

Anónimo disse...

Qual sistema, qual carapuça.

Isto é uma grande pouca-vergonha em que meio mundo anda a roubar o outro meio e a honestidade acabou no dia em que a ética passou de qualidade a defeito.
Retrocedemos à barbárie. Senão vejamos:
- Os valores morais foram guardados numa gaveta à espera de melhores dias (dizem "oportunidades"). Se já somos roubados pelo Estado e por quem nos diz defender, desprezados e abandonados pelos filhos e pela sociedade, não tardará a que também sejamos mortos em nome da economia de meios poupança de sofrimento.

Precisamos de uma (nova) revolução cultural. Há dois mil anos ela veio com Roma e a romanização. E hoje, mas no futuro como será?

Anónimo disse...

O Conde tem realmente poderes premonitórios!
Bem que falava do embaixador independente sargento Soares, e no sábado confirmou-se. Mas está bem situado, afinal o que une aquela gente é mais o menos o mesmo.
O que lá estavam a fazer o Corvêlo e o Carrão, ou os dois ou três dirigentes socialistas é que não se percebe, ou talvez, porque todos excepto o Presidente sairam a meio.
Uma nota para o Templário, que além de ter escolhido cavalo, escolheu o errado. O Relvas não perdoa.

Anónimo disse...

O Templário é bicéfalo.
Tem o Gaio e a Miliciano. Cada qual com seu cavalo.

Anónimo disse...

... foi o começo do FIM DO TEMPLÁRIO.

E até é bem feita, de tanta petulância junta, que mete dó!

Anónimo disse...

Ah ganda MF!
Isso é que é vontade.

Com que então "... foi o começo do FIM DO TEMPLÁRIO."
E, claro, o salvador MF aparece a seguir e agarra-o de volta.
Bem pensado, pá!
És genial!!!!!
Vamos a ver se tens unhas para mais esta guitarra!
Entretanto vai continuando a desgarrada com os teus amigos do BLOCO CENTRAL.
Tens todo o apoio do Marquês de las Cuevas.

Anónimo disse...

Nao sei se será o começo do fim do Templário essa união a sujeitos como o soares, mas que não é bom prenúncio não é.

Em todo o caso esses ataques a coisas abstratas como "o bloco central", são uma retórica exdruxula e bafienta, e que bem vistas as coisas, em Tomar nunca resultou, o que pode bem ser outro prenúncio do fim destinado a quem a utliliza.
Perder.

Quem se ri, é o Relvas. Sem trabalho vai manter a paróquia que lhe dá sustento, pois os outros estão entretidos a matarem-se uns aos outros.
Poderia dar-me por contente, o partido em quem tenho normalmente votado vai ganhar sem grande esforço, por mau resultado que tenha. Mas o resultado disso, é que Tomar vai ter (mais) um mau presidente de câmara.

Anónimo disse...

Vícios privados

Um dos argumentos mais utilizados para justificar a lei anti-tabaco foi o prejuízo provocado aos empregados dos restaurantes e outros espaços fechados. Ora, não há espaço mais fechado do que um avião e foi aí que Sócrates e o ministro Manuel Pinho decidiram fumar, ainda por cima foram fumar precisamente para o espaço reservado ao pessoal de cabine. O mesmo Sócrates que se anda a exibir em sessões de jogging, viola uma lei do seu governo e para fugir das vistas vai fumar para o espaço reservado aos trabalhadores. Compreende-se agora porque razão nada sucedeu ao inspector-geral da ASAE quando foi apanhado a fumar no casino, esta lei é só para alguns.

O JUMENTO

Anónimo disse...

Sobre o nosso Primeiro-Ministro e a polémica do voo para Caracas:

"Durante o voo para Caracas, houve quem tivesse sugerido: Senhor primeiro-ministro, pela nossa saúde, vá fumar lá fora."

Anónimo disse...

Que é que querem? A paneleiragem é assim! O maricas do Sócrates devia estar nervoso por ter o amante Infante a seu lado numa viagem "à pala" a um país exótico!!!
Depois disto só as Maldivas! Ele que pergunte ao Gomes e ao Lima Pereira, ex-jogadores do FCP e amantes que passavam férias nessas ilhas! Dizem até que é um dos paraísos terrestres dos...ui, ui, não me toques!!!

Anónimo disse...

Rectificação:

No comentário anterior, bastante ordinário diga-se, onde se lê "...devia estar nervoso por ter o amante Infante a seu lado" deve ler-se "...devia estar nervoso por não ter o amante Infante a seu lado".
É muito diferente!

Anónimo disse...

Que parolice!!!
Deves ter é inveja da namorada que ele tem. Fernanda Câncio, sabes quem é?
É que ao menos inventassem um namorado que ninguém conhecesse, agora o Infante, qualquer pessoa que saiba ler sabe com quem ele vive!

Anónimo disse...

Também acho uma saloiada tentar proceder a invectivas de má indole com a vida privada dos outros, sejam eles primeiros, segundos, ou terceiros ministros. A vida privada de cada um aos próprios diz respeito e a mais ninguém. Deviam ir trabalhar as alcoviteiras de bairro que falam falam - e não fazem nada! Mas já é costume, infelizmente, na nossa cidade que qualquer dia é conhecida pela cidade dos alcoviteiros maldizentes e impotentes mentais.
Tenho dito.

Anónimo disse...

Fernanda Câncio ou Johnson tira-nódoas?
Faz lembrar o casamento do Guterres com a sobrinha do Feytor Pinto sob os auspícios deste último! O Feytor Pinto foi espertíssimo. Com um tiro matou dois coelhos: limpou a imagem do Guterres e arranjou padrasto para os bastardos da sobrinha...e vai e vira!!!

Nota do autor: também o Rock Hudson foi casado. Lembram-se?
Mas foi apenas uma operação de cosmética.

Anónimo disse...

Eu sei que isto é ordinarice, mas que é que querem? É mais forte que eu! Quando se fala de maricas não me controlo!
Sou como o falecido cão do Fernando Patrocínio, o Freitas "O Amarelo" que quando via qualquer coisa parecida com um tronco de árvore alçava a perna e mijava! Uma vez mijou nas pernas duma senhora que estava a ver a montra do Noel. Noutra ocasião mordeu na mão dum certo VIP cá do sítio em pelo Noite e Sol. Recebeu uma salva de palmas e subiu 100 pontos na cotação do pessoal.
Oh Tomar que já não voltas!!!

Anónimo disse...

OLHOS D'ÁGUA, CHINA, GEORGE BUSH E OUTRAS HISTÓRIAS...MAL CONTADAS!!!

Foi com estupefacção que li no último semanário O Mirante que por causa do ventito mais forte que soprou há algumas semanas, a que pomposamente e por falta de assunto se atribuiu o nome de tornado em forma de mini (!!!), os Olhos D'Água de Alcanena não vão estar disponíveis este Verão como praia fluvial. Ponto de encontro de muita gente que por opção ou por falta de recursos não frequenta praias, ou porque simplesmente prefere aquele ambiente ao das nossas costas, vai estar mudo e quedo este ano. Tudo porque o imobilismo endémico que se respira neste país assim impõe!
Isto leva-me a pensar que se Portugal fosse assolado por catrástrofes naturais como aquelas de que temos tido notícias ultimamente, este país estaria ao nível da Idade da Pedra.
Contrariamente aos movimentos de droga, prostituição importada, máfias e redes terroristas em que somos uma verdadeira autoestrada, Portugal está fora das rotas dos mais fortes cataclismos que um pouco por toda a parte têm atingido o planeta. Basta um ventito, uma chuvita mais forte, uma canícula mais acentuada para despoletar alertas de todas as cores, verdadeira parada de vaidades de tropas de alta patente passados de prazo em cargos de alegada protecção civil. Para quê? Verifica-se que no rescaldo dos acontecimentos nada está preparado.
Provavelmente estar-se-á à espera de mais um subsídio vindo de Bruxelas.

À espera de apoios está ao que parece a China por causa do terramoto de 7,9 que atingiu uma região onde habitam mais de 90 milhões de pessoas. Ao que parece a China é incapaz, por meios próprios, de socorrer as vitimas que são às dezenas de milhar. É indubitável que a comunidade internacional não deve nem irá virar costas a semelhante tragédia, e irá congregar esforços para ajudar à assistência à vítimas.
Mas o que revoltante é que um país como a China, que tem o programa nuclear mais complexo e extenso do mundo, que investe há dezenas de anos no seu programa espacíal biliões de dólares, que se dispôs a realizar os Jogos Olímpicos de 2008 contruindo de raíz praticamente todas as infraestruturas necessárias, venha assumir publicamente a sua tibieza em matéria de apoio social. Não será certamente por falta de recursos humanos! Cinismo do mais puro!

Por falar em cinismo, vem-me à memória a saga do furacão Katrina que há alguns anos assolou as costas da Louisiana nos EUA. A capital, Baton Rouge, sobreviveu como pôde, mas a maior cidade, New Orleans, a Big Easy, afundou-se nas águas do Golfo. Como em tudo na vida, quem se lixa é o elo mais fraco, neste caso foram os mais pobres, por viverem na zona mais baixa da cidade, abaixo do nível do mar, (des)protegida por diques vetustos e mal mantidos. Durante 3 dias assistiu-se a cenas execráveis de pessoas a tentarem sobreviver a todo o custo, chegando-se mesmo ao ponto de algumas terem sido mortas pelos snippers do exército por serem confundidas por saqueadores.
Durante 3 dias não apareceu apoio de qualquer espécie às vítimas. Nenhuma ONG, nenhum orgão federal se chegou à frente.
Se pensarmos que os EUA têm uma capacidade logística tal que lhe permite colocar um vaso de guerra em qualquer mar do globo em menos de 24 horas em alerta vermelho, facilmente se chega à conclusão que aqui, no caso Katrina, esta falha não foi inocente.
Lembremo-nos que os estados da Louisiana, Mississipi, Alabama e Arkansas são dos mais pobres da União, onde muita gente (sobre)vive da "Welfare", constituindo por isso um encargo para o Estado.
Demorar 3 dias a dar apoio a gente doente e esfomeada teria algum objectivo. Talvez a poupança duns milhares de subsídios. Afinal a realidade revelou-se um mau negócio para George Bush. Morreu muito menos gente que a "prevista".

É este o mundo que temos, onde a filosofia neo-liberal condena o Homem a mero número estatístico...

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

E O PAI NATAL AQUI TÃO PERTO!!!

Pois é! Embora tão longe do 25 de Dezembro que celebramos com maior ou menor fé, com maior ou menor convicção gregária (então não dizem que é a festa da família?), o Pai Natal já se lembrou de nós, portugueses contribuintes, consumidores e sofredores do quotidiano!!!
Vem o apóstolo da desgraça, o ministro das finanças informar que afinal o crescimento da economia não se situa nos 2,2% apregoados com pompa e circunstância, mas sim nuns esquálidos 1,7%.
Os resultados das empresas, sobretudo as estatais que fazem parte do conluio, leia-se cartel da economia, não demonstram resultados nem cash-flow que permita augurar perspectivas optimistas para o ezxercício próximo de 2009.
Num país onde toda a gente, rendida à evidência dos números, reconhece que cada vez é maior o fosso dos rendimentos do trabalho entre empregados e gestores ou patrões, incluindo-se neste rol as empresas ditas privadas (!!!), resta concluir que, por evidência dos números já divulgados, os rendimentos do trabalho inscritos em balanço dos orgãos sociais das empresas (vulgo administração e conexos) representam 4/5 das despesas com pessoal na realidade, mas...será que os montantes entram na sua globalidade nessa rubrica? Ou será que, mercê de eficaz engenharia financeira, a parte de leão dessas remunerações e outros montantes atribuidos a esses "barões" como despesas de representação e quilómetros hipoteticamente feitos em serviço vão encaixar em prejuízos do exercício?
A meditar...
No entretanto, os portugueses, reféns neste guetto em que Portugal se tornou por via da sua situação e mentalidade periféricas, vão suportando de forma estóica esta situação! Até que...um dia...!!!

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

CRÉDULOS E OBSTINADAMENTE BURROS!!!

Quem pensou há pouco mais de 2 décadas que o futuro deste país passava pela sua integração da então CEE fê-lo no melhor do seu optimismo, porque estava ainda fresca na nossa memória colectiva o negrume dos anos do Estado Novo. Adivinhava-se, pensávamos todos, uma época de abertura e prosperidade económica e social, e sobretudo liberdade de pensamento. Era como uma espécie de iluminismo no apogeu do sec. XX. Eram tempos de euforia.
Afinal damo-nos conta que a CE não é um negócio meramente político. Trata-se acima de tudo dum negócio económico, idealizado pelos detentores do poder económico e levado à prática pelos seus cães-de-fila, os políticos.
Os grupos macro-económicos ligados à indústria pesada, sediados sobretudo em França, Reino Unido e Alemanha, a que se ligou a alta finança onde também detinham assento, necessitavam que houvesse um conjunto de leis que regulasse de forma tanto quanto possível uniforme as leis do trabalho extra-fronteiras. Foi com base nessa filosofia que a agora CE se tem expandido a Leste, um território até há pouco tido como quase impenetrável. Em 1989 tudo mudou. Caiu o Muro de Berlim, caiu o "status quo". Nós por cá, longe do epicentro das decisões e das convulsões vamos assistindo às transformações como se de meros espectadores nos tratássemos. No entanto, no teatro macro-económico europeu vamos sendo rechaçados cada vez mais para o fundo do palco, sendo a cada semestre que passa ultrapassados pelos mais novos "sócios" desta "agremiação", os recém-integrados países do leste europeu, emergentes de ditaduras politico-económicas imobilistas (Hungria, Polónia, Rep.Checa, Eslováquia e o triunvirato Báltico à expepção dos nichos hanseáticos nos mares do Norte e Báltico).
Os números são significativos e não deixam margem para dúvidas. Já fomos ultrapassados por 5 desses países, não falando da "décalage" relativamente aos nossos parceiros mais antigos, os países do Ocidente Europeu. Se formos por aí é para chorarmos em coro!!!
Na vizinha Espanha o ordenado mínimo que vai ser brevemente aprovado ronda os 800 euros, valor que continuará por tempo indeterminado na miragem da grande maioria dos trabalhadores portugueses. A juntar à desgraça nacional temos o custo de vida, isto é, o preço dos bens que consumimos diariamente que é mais elevado do que em Espanha. Isto é, o esforço económico é manifestamente maior deste lado da fronteira. E aquilo a que vamos assitir daqui para a frente é a uma cada vez maior manifestação de poder económico dos nossos parceiros europeus.
E quanto á liberdade de pensamento...bom, a força da moeda tudo submerge!!!

BRONC E OLÍTICO

Anónimo disse...

O Sócrates diz na net que só falta ser chicoteado por fumar. Isso não será um desejo oculto? Afinal ele deve é ser sado-masoquista dependente dos adereços. Daí o seu gosto pelo teatro.

Anónimo disse...

Meu Caro BRONC E OLÍTICO,

Fico logo nervoso quando sinto o cheiro sanguinário de lógicas militares por detrás de textos "patrióticos", como o seu.

Quando os nossos jovens morriam e se estrpiavam em África em defesa de territórios explorados por concessões de Salazar a amigos, estava tudo bem. Havia 3 frentes de guerra, os prés dos militares do quadro multiplicavam-se por 3 em África, iam morrendo os milicianos - que não ganhavam para o tabaco - e a vida sorria, claro.

Qunado acabou a guerra de África, pintaram os fantasmas do isolamento e da pobreza. Porém vem a CEE e porra, Portugal melhorou tanto, mas tanto, que não tem paralelo na sua história quando tropas, clérigos e reis mandavam.

Resta agora, após 100.000 milhões de euros recebidos, que afinal o gajos da CEE são uns capitalistas sugadores.

Bom é uma guerrinha com Marrocos, até já aí vêm submarinos.

Portugal tem de facto, vários e grandes problemas, de estruturas improdutivas e consumistas!

Mas porque ninguém fala em acabar com uma máquina de guerra convencional, cara e inútil?

Dediquem-se ao contra-terrorismo. Ou isso não dá luvas suficientes?

M.A.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

Pois, e tu se calhar já beneficiaste dos 100.000 milhões. Por isso é que o bronc eolítico te feriu na asa.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

AS NOVAS OPORTUNIDADES DA PRECARIDADE

«O Programa Novas Oportunidades, uma iniciativa do Governo para aumentar a qualificação profissional, está a ser suportado por técnicos precários e, em alguns casos, por formadores com salários em atraso. As situações mais gritantes vivem-se a Norte, nas escolas EB 2/3, onde a formação se faz com material dos próprios formadores.

Nos Centros de Novas Oportunidades (CNO), os técnicos de Reclassificação, Validação e Certificação de Competências (RVCC), na maioria jovens licenciados, assinam continuamente - alguns há cinco anos - contratos de prestação de serviço, “falsos recibos verdes”, garantem. Recentemente foram informados que os contratos vão ser renovados. Há CNO prestes a abrir, cujos técnicos são “contratados a recibo verde”, confirmou uma das recém-contratadas.» [Expresso assinantes]

Isto é uma vergonha, mais do que perante dificuldades financeiras estamos face a incúria, irresponsabilidade e incompetência.

VOTA PS!

Anónimo disse...

Do site Jornal O Templário

Sou pouco assíduo neste forum, mas hoje decidi dar uma olhada e achei curioso o último post.

Fui um dos empresários convidados pelo Sr.Arquitecto José Vitorino a estar presente e não sou do PS.

Acedi ao convite e fiquei até ao fim.
Gostei de ouvir o Sr. Ministro, tido como um dos mais de "esquerda" do Governo Sócrates e percebi a dificuldade do meu PSD lidar com este Governo.

O facto de ele me ter "agarrado" até ao fim, com a explicação circunstanciada que ía dando sobre a importância de alterar as relações de trabalho nestes tempos difíceis, prova que não perdi o meu tempo.

Ouvi o convite que foi feita à única joralista presente, que por acaso não era deste jornal, e entendi o porquê: dado o melindre da matéria em discussão poderiam haver alguns assistentes que "aproveitassem" a seriedade da iniciativa e transformassm a sessão de esclarecimento em Comício.

Ora, quer eu, quer muitos dos outros empresários da nossa cidade que por ali vi, além do Sr. Presidente do Instituto Politécnico, não estavamos ali para qualquer comício, mas para sermos esclarecidos.

E, garanto-vos que valeu a pena.

Quando voltar a ser convidado pelo Sr. Arquitecto José Vitorino direi novamente presente.

Um dos grandes problemas de Tomar é que os seus politicos parecem ter mais interesse em governar para os Jornais e menos para as pessoas.

JMM
(Empresário identificado de Tomar)

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

Oh, o senhor Conde censurou os comentários! Vou queixar-me à Alta Autoridade para a Difamação e dizer que ele é maricas.

Anónimo disse...

Ah Valente Conde;

Vingou-se agora do Marquês de Pombal e evitou propaganda ao Empresário da Construção Civil, Arquitecto Vereador Becerra Vitorino, que já iniciou a campanha eleitoral.

Anónimo disse...

Para ler em voz alta com sotaque alentejano

Se m'amares cum'ê t'amo
E m'achares cum'ê t'acho
T'acharás cum'ê m'acho!

Anónimo disse...

Isso mesmo sr. Conde do Condasdo do Flecheiro de Tomar. Ponha esses cabrões todos em sentido

Anónimo disse...

Acho graça a estes textos pimbas como o do anónimo do dia 20/05/08 às 19:39H, com uma espécie de código àcerca de personagens, numa gigajoga de palavras bacôcas.
Este anónimo mais os personagens de que fala se calhar todos juntos não valem a bosta da macaca do tarzan, que essa sim, fez alguma coisa de útil na vida: trabalhou.

Anónimo disse...

O silêncio do inocentes.

Anónimo disse...

Acho graça a estes textos pimbas como o do anónimo do dia 21/05/08 às 11:09H, que nem categoria tem fazer parte do código de personagens, e alinha numa gigajoga de palavras bacôcas.
Este anónimo mais os personagens de que fala se calhar todos juntos não valem a bosta da macaca do tarzan, que essa sim, fez alguma coisa de útil na vida: trabalhou.
E nem tem coragem para se identificar, pois não deve fazer a ponta dum corno.
Com anônimos destes o País avança ... p´ró abismo.

Anónimo disse...

Olha, olha, só não acerto no totoloto! Um que se escaldou e saltou como uma batata frita em azeite a ferver.
Dá-se um pontapé numa pedra e aparece logo uma minhoca, isto é, um verme.

Anónimo disse...

Olha, olha!
Um que se escaldou e ressaltou como uma batata frita em azeite a ferver.
Dá-se um pontapé numa pedra e aparece logo uma minhoca, isto é, um verme com fedor que transa!
A esclerose atinge-o em cheio!!!!!!
Parece o Pinto da Costa nos seus últimos discursos.
Estão no estertor, a dar as últimas.

Anónimo disse...

C E M
CENTENA
C E N T E N Á R I O

Anónimo disse...

Ena, tanta gente dorida! Ponham uma almofada debaixo do rabinho.

Anónimo disse...

Os patos bravos totós não têm que fazer (nem querem! Trabalho...longe!)e perdem tempo nas trangalhadanças da política reles local. Nunca vi tamanho ajuntamento de asnos, nem nas feiras dos ciganos! Com todos a zurrar ao mesmo tempo nem se consegue ouvir o Neves da Feira a berrar no carro-altifalante!
O que a política faz! Por meia dúzia de cobres esta gente é capaz de tudo para viver sem trabalhar!

Anónimo disse...

As eleições em Tomar
Vão e vêm constantemente
As primeiras trazem esterco
As segundas...principalmente!

Anónimo disse...

Tanta parolada junta num opúsculo sebento e parcial.

Anónimo disse...

"Tanta parolada junta num opúsculo sebento e parcial."

E tu anónimo das 16:28 não és parolo, mas sujas aqui.
Bonito!
Grande laparoto com a mania das grandezas é o que tu és!!!!!!!!
Desinfecta, vai-te curar!.

Anónimo disse...

Estás sujo? Lava a boca picolho que nem escrever sabes!

Anónimo disse...

Ó pr'a eles a marrarem uns com os outros. Falar de trabalho, t'á quieto! Dá muito trabalho!

Anónimo disse...

Vão trabalhar seus malandros!

Anónimo disse...

Pois claro! É mandar trabalhar os outros, assim é que é! Deves ser "impresário".

Anónimo disse...

Gostei de ler o ataque que o António Madureira faz ao PS no seu pasquim a propósito da sessão de propaganda que o PS realizou com o seu Ministro Vieira da Silva.

É assim mesmo madureira, dá-lhes no osso.

Quem é que se lembrava de trazer a Tomar um Ministro e não te convidar para estares? Pelo menos na Mesa!

Agora convidarem o Jornal e a Rádio (E eu a pensar que aquilo era toda a mesma pacovoiada), e depois de ouvir o Ministro, tratarem de os porem na rua. Isso não se faz!

Tu querias era lá estar para dizer mal, mas por acaso até nem te convidaram.

Uns ingratos esses tipos do PS.
Vai daí tiveram medo que metesses outra vez a amão na massa, como naquela coisa da Festa...

Anónimo disse...

PARA REFLECTIR

"Cantoneiro atropelado era um dos sustentos da família
Deixa mulher, um filho com 24 anos à espera da reforma por invalidez (está na lista para um transplante de rim) e uma filha de 17 anos com uma menina de ano e meio nos braços. José Ribeiro, 47 anos, o cantoneiro atropelado mortalmente por um jovem sem carta, às 6.45 de anteontem, em Matosinhos, era um dos sustentos da família. "Um mouro de trabalho", desabafou um dos irmãos, Sérgio Paulo, ontem à tarde, à porta da capela de Santa Catarina, em Leça da Palmeira, onde se realizou o velório."
JN

Anónimo disse...

A falta de informação é um cancro da sociedade. E acontece até ao mais alto nível. Então não é que o presidente da Líbia quando esteve em Lisboa deu-se ao trabalho de trazer camelos lá da sua terra quando os tinha aqui tão perto em Tomar. E é cá uma colecção...

Anónimo disse...

Camelo era o teu avô...

Anónimo disse...

Olha, afinal não há só camelos. Também há burros como este das 10:29H que se pôs logo a zurrar com inveja de ser esquecido.

Anónimo disse...

Correu bem a feira das sopas este ano. Os Lambuças apareceram em grande número de tal forma que muito antes do previsto já só havia caldo no fundo dos caldeirões. O que não impediu que os Gosmas das bilheteiras continuassem a vender bilhetes para os papalvos entrarem a pagar e ficarem a ver navios.
Foi bonito de ver.
Era uma coisa boa para o Madureira se meter. Enchia a mula à borla e às contas fazia o que fez às da Festa dos Tabuleiros em que foi mordomo.

Anónimo disse...

Ainda há-de vir a feira dos feijões para o pessoal atestar o bandulho, depois a da cerveja que é para o fígado. Só falta a feira das sobremesas para os gulosos, essa sim vai ter a presença dos ilustres cá do povoado, tão gulosos que eles são...

Anónimo disse...

E se depois de tanto farrar o físico quiser trabalhar dirija-se ao estádio-fraude mandado "arranjar" pelo sr. Paiva. Ali encontrará a melhor relva falsa bem como um maravilhoso falso tartan já que se trata de alcatrão pintado a imitar o verdadeiro sintéctico tradicional das modernas pistas de atletismo.
Devem-se ter feito por aí umas pequenas fortunas à "pala" do Polis. E o que está para vir nem às paredes confesso.
É só política...é só saúde...é só roubar!
E é assim que se arranjam duplexes clandestinos em plena zona nobre da cidade e belas vivendas em Abrantes.
Vivó povo que é tão tolo que ainda vai atrás desses fdp's.

Anónimo disse...

E eles, coitadinhos, tanto que anseiam chegar a um cargo político, embuídos de espirito de missão de servir a comunidade! Zangam-se uns com os outros, chamam nomes uns aos outros, aviltam-se na àgora, tudo para estar na linha da frente da defesa da rex publica. Ninguém faz ideia dos sofrimentos por que passam, pelas noitas mal dormidas, nas privações que lhes tornam as câs brancas de neve. Só Deus sabe o quanto são justas...perdão, injustas as acusações de que são alvo de compadrios, favores pagos por debaixo da mesa a troco de construções, favorecimentos a este ou àquele. Coitados, quando saem estão mais velhos, cansados, mais bem instalados...perdão, mais remediados...perdão, mais bem montados...perdão, mais gordinhos e depois é o colesterol que paga e o coração martela mais depressa e é por isso que a reforma aparece à velocidade dum Fórmula Um que é a salvação, porque isto da política é uma profissão de regaste rapidíssimo.
Tadinhos...farto-me de carpir só de pensar no que eles passam.

Anónimo disse...

27.05.2008 - 08h41 PÚBLICO
O socialista M ário Soares, ex-Presidente da República (1986-96) sugere aos responsáveis do PS “uma reflexão profunda sobre as questões” da pobreza, das desigualdades sociais, sobre o descontentamento da classe média.
“Quem vos avisa vosso amigo é”, diz ainda Mário Soares, num artigo de opinião publicado hoje no “Diário de Notícias”.
Para Soares, é urgente “fortalecer o Estado e não entregar a riqueza aos privados”, porque “não serão, seguramente, eles que irão lutar, seriamente, contra a pobreza e reduzir drasticamente as desigualdades”. Olhem bem quem o diz…também pertence ás Elites do após 25 Abril que se aproveitaram da confusão para terem o pé de meia que têm !!!

O custo de n ão seguir estes conselhos será, “inevitavelmente”, a continuação da subida nas sondagens do PCP e do Bloco de Esquerda, bem como dos seus líderes...
Soares atribui a culpa pela actual situa ção a “causas externas" ...Será que ainda tem sogra ?
Pereira diz que h á metas que vão precisar de mais tempo para serem alcançadas e explica que a culpa é da crise económica. Eu acredito mais que a culpa deve ser da sogra !!!Este quer mais um tempo para mamar mais…
Vitalino Canas admite que h á o risco do PS perder votos para o PCP e para o Bloco de Esquerda. Até que bem mereciam !!!
E para terminar o Ministro Jamér diz que o Governo está abem acordado...
Realmente os únicos que andam a dormir há 30 anos somos nós os pagantes Zé Povinho.
Acho que a experi ência desta campanha contra a GALP vai servir de teste para ser usada nas próximas Legislativas.Que se cuidem que os SMS têm muita força !!!

Anónimo disse...

Dez dicas para poupar o ouro negro:
http://www.savemorethanfuel.eu/portugal/p10.htm

Anónimo disse...

Tomar está num impasse com todas estas vicissitudes.
Começem a fazer a económica, com bolas de naftalina e tudo.
Acabem com a PAC, somos autosuficientes não precisamos que os bimbos de Bruxelas mandem na nossa agricultura e nas nossas freguesias.

Anónimo disse...

Boa ideia! Eu no que me toca vou começar a semear feijão no telhado do meu prédio.

Anónimo disse...

E eu para poupar água vou começar a beber só cerveja.

Anónimo disse...

Tomar vai ter mais uma rotunda. na entrada sul. Acho uma excelente ideia. Assim os automobilistas que nos visitam têm de abrandar a velocidade o que lhes permitirá apreciar mais demoradamente o acampamento cigano que, qual cartão de visita desta cidade aberta ao turismo, ali se mostra em todo o seu explendor.
Oh, sim! Tomar cidade turística, cidade templária.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

Foi engraçado ver ontem o desalinho do Miguel Sousa Tavares no jornal da noite da TVI quando o apresentador lhe pediu a opinião sobre o caso do FCPorto face à UEFA. Mudou de cor, entaramelou as palavras e até acabou a falar do Benfica quando o Benfica não tem nada a ver com o caso. Faltou-lhe ali mesmo um "sniff" para acalmar.
É realmente estranho o resultado do cruzamento duma excelente poetisa com um candongueiro de divisas.

Anónimo disse...

O Benfica não tem nada a ver com o caso?!...
Quem é que fez queixinhas á FIFA?

Anónimo disse...

O Benfica não está envolvido nas falcatruas do Apito Azulado.
Quem fez a malandrice que aguente as consequências!
E, neste caso, o FCP aceitou a sentença para o bem e para o mal.
Aqui o Pintinho foi um anjinho, viu a árvore e não viu a floresta.
Está a perder capacidades e lucidez.
É evidente.
Basta recordar as suas últimas intervenções, um verdadeiro estertor dum condenado.
A química dele ainda durou uns anitos, mas não é eterna.
A verdade é como o azeite acaba por vir ao de cima.
Fartaram-se de gozar com os "mouros" agora lixam-se.
O dragão já só cospe uns fogachitos sem chama.
VIVÓ DESPORTO.
Abaixo a vigarice!

Anónimo disse...

Ao anónimo do dia 30/05/08 das 15:17H
É estranho o sentido de justiça de algumas pessoas. É muito boa quando se aplica aos outros. O problema é quando se aplica a nós. E quem assim pensa não é sério. É vigarista.
O Porto mordeu o seu próprio veneno. Mas o que me faz rir no meio de isto tudo é serem punidos por apenas 2 (DOIS!!!!!!!) casos, quando toda a gente sabe que eles têm andado ao longo das últimas 2 décadas e meia a subornar agentes desportivos e a subverter resultados desportivos. Se calhar esse 2 devia ser multiplicado por 100.
E isto para não sair do âmbito desportivo. Não quero falar aqui do caso Cadorin!!!
Se apresentar um caso e expô-lo face a um regulamento existente e igualitário para todos é fazer queixinhas...!!!

Anónimo disse...

Estava agora mesmo a ler o expresso em formato electrónico (sim, porque não sujo os dedos com periódicos em papel) e li na revista Única que o Lance Armstrong tinha ganho o Tour 5 vezes quando na verdade o venceu 7!
É esta falta de rigor que me irrita a quem está ligado à Ciência.
Senhores jornalistas do Expresso ou de outro jornaleco: estudem com profundidade as matérias e depois escrevam competentemente!
O que lá está não é erro tipográfico mas fruto da ignorância de quem se aventura por matérias tão complexas como o "Doping no desporto mundial".
Mas com jornalistas assim neste relevante semanário nacional não é de estranhar o medíocre para não escrever o insuficiente nível de preparação dos articulistas dos dois pasquins Tomarenses. Enfim, o Concelho tem o que merece. Má imprensa. Muito má mesmo apesar do esforço :-)

O BURRO!

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Tabanika disse...

é bem... gostei de visitar o teu blog. Também sou de Tomar.
Se quiseres posso colocar um link para o teu blog no meu.. passa por lá e responde a esta proposta.
inté.
Fica bem..

Anónimo disse...

Eis aqui um que come tudo e todos, deve ser canibal. Exprime aqui as suas frustrações e insuficiências, justificando-se como predador ( que não será, eventualmente) sexual de incapazes ausentes. Será que é tudo o que este blogue pode oferecer? E se deixassem de dizer disparates e fizessem crítica construtiva, procurando fundamentar-se, mesmo anonimamente, não estariamos a contribuir para uma melhoria das condições de vida dos nabantinos?
Pensem bem.

Anónimo disse...

PARA QUÊ BLOGUE... VAI MAS É FAZER UMA PÁGINA NO DREAMWEAVER E APARECE, PANTUFAS :-)

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

A estupidez das pessoas que vêm a este blogue é incrível. Falam sem sentido e não sabem responder a nada. Bem f....que fica este Concelho com estes concidadãos de m.......!Vão trabalhar c.......

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

Para o anónimo do dia 1 de Junho às7h 41M:
- O senhor sente-se mal em falarem bem do concelho e apelar à cooperação e solidariedade tomarense? Então não deve ser daqui de certeza. Mas porque é que este blogue deixa entrar estes bimbos prosaicos que quando falam saiem apenas as fezes que armazenam na cabeça.
- Vá trabalhar seu malandro de um raio.

Anónimo disse...

Dos 110 militantes do PSD que votaram hoje na secção de Tomar para eleger o novo líder do partido, 47 votaram em Pedro Passos Coelho.



O segundo candidato mais votado foi Manuela Ferreira Leite, 36 votos. Santana Lopes obteve 22 votos e Patinha Antão, três. Registaram-se ainda dois votos em branco.



No total votaram 52 por cento dos militantes da secção.



A nível nacional venceu Manuela Ferreira Leite que é a primeira mulher a liderar um partido em Portugal

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

Os adeptos do Benfica que tirem o cavalinho da chuva pois o SLB não irá substituir o FCP na Liga dos Campeões. Será um clube russo (depois do V.Guimarães...)
O Benfica poderá não ser um "queixinhas" mas também não se ficará a rir.
A isso se chama justiça salomónica!

Anónimo disse...

Para o anónimo das 23:02:
A MFL a primeira mulher a liderar um partido em Portugal?!
- E a Carmelinda Pereira não conta?

Porque é que estes laranjinhas da treta continuam a pensar que o mundo apenas gira em torno deles?

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

O AZEITE NA DISPUTA FCP Vs SLB
ou REGIONAL VS INTERNACIONAL

Caros Confrades Azeiteiros Benfiquistas,

Em virtude de desvios recentes no que concerne a correcta interpretação do
termo "regional", passamos abaixo alguns exemplos (em contraponto com o
termo "Internacional") com a intenção de esclarecer a comunidade azeiteira:

1º Exemplo:
Torneio do Guadiana: Trata-se efectivamente de um acontecimento regional (se
assim pensou o caro amigo azeiteiro, os nossos parabéns, está correcto).
Contraponto: Torneio de Roterdão ( dadas as evidencias, dispensam-se
explicações) INTERNACIONAL, pois claro!

2º Exemplo:
Nos ultimos 30 Anos, determinado clube acumula record de vitórias dentro e
fora do pais, trata-se portanto de um clube com evidente protagonismo
INTERNACIONAL ( se o nosso caro amigo azeiteiro pensou no FC Porto, os
nossos parabéns, está correcto).
Contraponto: Nesses mesmos 30 anos, determinado clube ganhou meia duzia de
trofeus sendo que, NENHUM A NIVEL INTERNACIONAL ! ( se o nosso caro amigo
azeiteiro pensou no Gil Vicente, está ERRADO, trata-se do SLB).
Trata-se portanto de algo muito, muito mesmo REGIONAL.

3ºExemplo:
Determinado clube concretiza encaixe financeiro em 5 anos superior a 100
milhões de Euros
acumulando n vitórias em campeonatos nacionais, champions, taça
intercontinental, etc, etc, etc...
Trata-se de argumentos propriedade apenas de alguns
clubes....INTERNACIONAIS.
( se o nosso caro amigo azeiteiro pensou no FC Porto, os nossos parabéns,
está correcto).
Contraponto: Nesses mesmos 5 anos, outro clube ganha apenas 2 ou 3 troféus
nacionais e faz aprox. 30 milhões de euros e dedica-se ao ciclismo
entreportas com vitórias morais.
Quem é regional? quem ?
( se o nosso caro amigo azeiteiro pensou no SLB, os nossos parabéns, está
correcto).

Conclusão,
Se o meu caro amigo azeiteiro é adepto, sócio, seguidor, sofredor do clube
do milhafre SLB, os nossos cumprimentos de solidariedade para sí, fique bem.

CALABOTE (VAI TUDO ABAIXÔ)

Anónimo disse...

Porque o saber não deve ocupar espaço na nossa vida, segue um «Breve Dicionário Tripeiro-Alfacinha»


A
À beira de – Ao pé de
Aluquete – Cadeado
Aguça – Afia
Azeiteiro - Bimbo de Lisboa (preferencialmente do SLB)

B
Boeiro – Sarjeta
Bolinho de bacalhau – Pastel de bacalhau
Broche - Pregadeira (alfinete de peito)

C
Cadeado – Corrente
Calcar – Pisar
Canalha - Crianças
Catraios - Crianças
Cimbalino – Bica
Cruzeta – Cabide

E
Estrugido – Refogado

F
Ferrar – Morder
Fino – Imperial

G
Guarda-chuva – Chapéu-de-chuva
Guarda-sol – Chapéu-de-sol

M
Magnório – Nêspera
Meia de leite directa – Meia de leite de máquina
Meia hora – Meio dia e meia
Meio dia menos um quarto – Um quarto para o meio dia
Molete – Carcaça

N
Napoleão – Mil-folhas

P
Picheleiro – Canalizador
Pingo – Garoto
Pires – Prato
Pneu – Água com gás, limão e açúcar
Prego no prato – Bitoque

R
Repa – Franja (no cabelo)

S
Safa - Borracha (de apagar)
Salazar – Rapa-tachos
Sapatilhas – Ténis
Sertã – Frigideira

T
Tabuleiro – Bandeja
Tacão – Salto (nos sapatos)
Testo – Tampa (no tacho)
Trengo - Azelha
Tripas – Dobrada

V
Vagem – Feijão verde


BB

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
«O mais antigo ‹Mais antiga   1 – 200 de 315   Mais recente› Mais recente»